terça-feira, 31 de agosto de 2010

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Essa garotinha é a Joaninha!Apelidada pelo Obama.
Adora dançar e bagunçar nas aulas.Está evoluindo muito!Tinha dificuldades com peso o que graças a seu esforço e dieta saudável já não é mais um problema!Promete muito nas rodas de capoeira!Estamos vendo sua evolução,Gambareeeee!!!

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Este é o OBAMA.
Apelido dado por..... não me lembro no momento.rs
Por favor quem lembrar deixar nos comentários.
9 anos
Pegará sua primeira corda no batizado deste ano.
Está se esforçando bastante.Gosta de um jogo de dentro e não arrega não.
É isso ai!!Para frente e avante!!

sábado, 21 de agosto de 2010



Esse foi um desfile que participamos,kkkkkk
Só pra descontrair,de folga das rodas de capoeira!
















Ficou pronto o Site Oficial do Nagoas,Acessem!!


Dia 20,sexta feira.Fomos ao treino em shizuoka.Treino de graduado.foi massa!!!Obrigado Instrutor Feijão,mas não tenho fotos,buááá.Houve tambám reunião sobre o evento feminino,as meninas estão empolgadíssimas!!Isso é muito bom!!Não vejo a hora de fazermos aquela bagunça e se divertir bastante,jogar bastante capoeira!!Por favor não faltem!!
bjss

segunda-feira, 16 de agosto de 2010


Gingado Delas vem aí!!Espero que seja o primeiro dentre muitos a serem realizados por nós,Nagoas Capoeira.Haverá danças culturais,Samba de roda ,Maculelê e Afro.Aulão de instrumentação e canto,e claro,muita Capoeira!No final da roda terá um café da tarde com bolo e torta salgada a la moda Brasileira.Não perca!!!

domingo, 15 de agosto de 2010


シャレウのじびきあみは奴隷時代後に生まれた。黒人は労働市場でチャンスがないため海に自分たち食糧、生計をさがした。その黒人の一部はマングローブ湿原の奥地へ移住した。サント・アマロ(バイア)で始めてその労働していた黒人の情報がある。シャレウ(魚の種類です、大平洋に生息していて移動が多い。大きくて、肉が黒い。高温な時期、10月から4月の間、一年ごとに産卵するため北東の海辺にやってくる。基本的にバイアの海辺で産卵します。)
   シャレウのプシャダ・ジ・へジは奴隷時代のいろんな遺産の中で大事な伝説です。バイアですごく魅力のある民間伝承のショーです。しかし70年代からこの伝統が退廃している。現在ときどきおこなっているけれども昔の魅力と伝統が不足しています。この踊りは足のリズムにきびしい仕事、音楽、詩情、信心深さが混ざっている演出です。
   現在アフリカのいろんなきれいな儀式を見せる目的と記念に文化まつりよくあって、その中でプシャダ・ジ・へジは当然で必ずあるショーです。カポエイラのバチザードでカポエイリスタたちはシャレウのじびきあみを上演することが多いです。その物語は、ある満月の夜、じびきあみに出た男がいた。奥さんは別れの時に夜での魚釣りの危険を知らせいかないようにたのんだけれども無駄だった。奥さんと子供が大心配のまま彼は仕事仲間と神様に恵まれ海へ行きました。奥さんはいやな予感していて彼が帰ってくるまで海辺で待っていた。ボートがいつもどうりより早く帰ってきたことに驚いた。ボートに乗っていた男たちが悲しげな顔をしいて何人か泣いていたが御主人の顔が見つからなくて苦しんだ。仕事仲間たちが伝えたのは、彼が不注意な時に海に落ちた。彼を探したけど闇のため見つからなかった。朝、網を引くときに死体を見つかってしまいました。彼たちの財政状態がかなり悪くて葬式する為の棺おけを買えなかったから行列のときに仕事仲間たちの背中に運ばれた。
   歌が漁師達を助ける(手伝う)喜びの歌、バイアの黒人お歌。音楽と歌は黒人お仕事、まつり、儀式に必ずあることです。プシャダ・ジ・へジが始まるとアタバキがたたく、全員の足がひとつのリズムになって、義務的な歌始めてから仕事が始まる。その歌は心から生まれるように歌う、自分の一番大事な力になるように歌う。アフリカ人を一人一人つなぐ物となり、きれいな動きをして、歌いながら彼らはひとつになります。仕事がきつくて気が晴れる、神の歌。過去の歌、奴隷時代の自由になりたかった気持ちとそのときの力と勇気。純粋な歌、力のある詩情の中に国民の生活や仕事を表している。アフリカの謎が明らかになっているかもしれない詩情です。 

sexta-feira, 13 de agosto de 2010





Não parece uma Delícia??
Essa é o bolo do capoeirista!Logo ali atrás é o omelete que devoramos instantes antes,rs

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Se você tem consciência e também educação,preserve a natureza,não jogue lixo no chão.
Nagoas Capoeira em harmonia com a natureza!
Cocão e Coquinho!!!!!
Mônica,mãe do grande Obama,mulher de garra!!
Algumas das Ladys do Nagoas,kkkkkk
Conectada com a Natureza!!Like Avatar,rs

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

はっきりしていないことや、乗っていないことばをしりたいとか、間違っているとおもうことや連絡してください。それではご覧ください!



CAPOEIRA DE A~Z カポエイラ
ABADÁアバダCamisolão comprido e folgado usado pelos nagôs, semelhante ao traje nacional de Nigéria. Na Capoeira Abada significa a roupa ou o uniforme do Capoeirista. ナイジェリアの国民の服装、ながくて大きいシャツ。カポエイラでは練習につかっているズボンのことです。
ABARÁアバラ: Pequeno bolo de feijão, ralado sem a casca, condimentado e cozinhado em banho-maria envolvido em folhas de bananeira.バイアの郷土な食べ物。バナナの葉にまいた豆でできたケイキ。
AFOXÉアフォシェ: Procissão ritual de um candomblé, que durante o Carnaval vai se misturar com a festa popularカンドンブレの儀式。現在カーニバルの一部ともしられている。
AGOGÔアゴゴ: Instrumento idiofone, constituído por uma dupla campânula de ferro, que se percute com um pedaço de metal, produzindo dois sons, um de cada campânula. Esse instrumento faz parte da orquestra da roda de capoeira angola e outras manifestações afro-brasileiras カポエイラアンゴラでつかっている楽器です。
AMAZONASアマゾナス: Toque de Berimbau. É o toque festivo, usado para saudar mestres visitantes de outros lugares e seus respectivos alunos. É usado em batizados e encontros.ベリンバウの一つの演奏、楽譜。お祝いの演奏です、訪ねてくるマスターや他のグループの生徒への歓迎とあいさつ。
ANGOLAアンゴラ: Designa a capoeira chamada Angola, em oposição àquela chamada Regional. Designa um dos toques de berimbau para o jogo de capoeira. Nome de um país africano。 アフリカの国の名前。ゆっくりやるジョゴ,カポエイラアンゴラ。ベリンバウの演奏の名前、アンゴラ。
ANGOLINHAアンゴリニア: É uma variação um pouco mais rápida do jogo de angola, serve para aumentar o ritmo quando o jogo vai mudar.アンゴラのバリエーションでリズムが少し早くて、早いりズモへ変わるときに使います。
AQUIDERREISアキンデヘ: Corrutela de Aqui d`el Rei. Era a maneira de pedir socorro, antigamente, por se supor ser o rei o único capaz de socorrer e proteger alguém.「aquidelRei」のちょっと変わった言い方。意味「王様ここです」昔、助けや護ることは王様にしかできなかったので王様に助けを求めている言葉。
ARUANDÊアルアンデ: Trata-se do vocábulo Luanda, acompanhado de um a protético, seguido da troca do l pelo r na referida palavra e um ê exclamativo. Daí a composição a + Luanda + ê.ルアンダの変わった言い方。LをRに変えて、後ろに+E を入れます。
ATABAQUEアタバキ: Do árabe "at-tabaq" que quer dizer "prato". Instrumento de percussão de origem árabe. Esse instrumento é usado para marcar o ritmo das danças religiosas e populares de originárias da África, ou influenciadas pela cultura africana. Faz parte da orquestra das rodas de capoeira. アラビアで生まれた楽器けれどもアフリカ人の宗教儀式とか文化の祝いとかにつかっている楽器。
AXÉアシェ: (1).Cada um dos objetos sagrados do orixá (pedras, ferros, recipientes, etc) que ficam no peji das casas de candomblé. (2). Alicerce mágico da casa do candomblé. (3). Força mágica, ou objeto possuidor de atribuições ligadas às divindades africanas. カンドンブレの宗教の神聖な物全部アシェでできている、アシェがあると言います。場所と物にある魔法的な雰意気がアシェです。
BABÁババTermo ioruba, significa pai. Pai ou ancestral, no culto ioruba. Pai-de-santo. ヨルバ語で父って意味。ヨルバの儀式での祖先の父。
BAHIAバイア: Nome com que se designa um acidente geográfico e um Estado da federação do Brasil. O acidente geográfico é a Bahia de Todos os Santos, que recebeu esse nome de seu descobridor, o Capitão-mor Cristóvão Jacques, que, encontrando-se diante de uma larga e ampla enseada, denominou-a baía. Como a descoberta foi no dia 1o. de novembro de 1526, dia em que a Igreja festeja todos os santos, então o acidente passou a se chamar Bahia de Todos os Santos, estendendo-se a denominação ao Estado da federação. カポエイラが生まれた場所。ブラジルの一つの州。
BAMBAバンバ: Exímio capoeirista, que possui um nível e volume de jogos elevados.天才カポエイリスタのこと。レベル高くてジョゴがとても得意人。
BANTOバント: Indivíduo dos bantos, povo negro da África Central ao qual pertenciam, entre outros, os negros escravos chamados no Brasil angolas, cabindas, benguelas, congos, moçambiques. Banto é família lingüística e não etnográfica ou antropológica. Inclui duzentas e setenta e quatro línguas e dialetos aparentados.アフリカの中心の民族たち。ブラジルで奴隷になってからはアンゴラ、カビンダ、ベンゲラ、コンゴ、モサンビケとしられていた。バントは人種的とかではなく言語的の関係があるアフリカの民族です。274の言語や方言を含みます。
BANZOバンゾ: Nostalgia mortal dos negros da África: "Uma moléstia estranha, que é a saudade da pátria, uma espécie de loucura nostálgica ou suicídio forçado, o banzo, dizima-os pela inanição e fastio, ou os torna apáticos e idiotas." (João Ribeiro, História do Brasil, p.207).アフリカから運ばれてきた奴隷たちの致命な郷愁(ホームシック)の病気。
BAQUETAバケタ: Do italiano "bachetta". Nome dado à varinha fina com a qual se toca o berimbau. イタリアからの”bachetta”。ベリンバウを弾く棒です。
BARÁバラ: É uma qualidade de Exu, deus nagô, mensageiro entre os demais deuses e os humanos. Etnograficamente falando, Bará é chamado todo Exu de caráter pessoal ou privado. Assim, cada deus tem o seu Exu ou escravo, como também se diz, de caráter privado, que se chama Bará, daí ouvir-se falar em Bará de Oxossi, Bará de Oxalá, Bará de Ogum e assim por diante. O mesmo acontece com o eledá (Deus guardião da pessoa) de cada indivíduo, que também tem o seu Bará. Todo Bará leva um nome que o distingue dos demais e se identifica com seu dono. オリシャのエシュの一つの名前。カンドンブレの宗教に関係がある。
BARAÚNAバラウナ: Árvore de grande porte (Melanoxylon baraúna, Schot).大きさが目立つ木の名前。
BARRAVENTOバハヴェント: (1) O mesmo que barlavento. Termo de origem ainda incerta. É termo náutico já registrado pelo Barão de Angra, com o significado de "lado donde sopra o vento". (2) Designa também o ato de uma pessoa perder o equilíbrio do corpo, como se sentisse uma ligeira tontura. (3) Nome que se dá a um toque litúrgico, nos candomblés de nação Angola, assim como aos cambaleios que dá qualquer pessoa antes de ser totalmente possuída pelo orixá dono de sua cabeça.人が体のバランスを落とす瞬間、ちょっとしためまい。 (2)アタバキのリズムの名前、カンドンブレの儀式で使われています。
BATUQUEバトゥケ: (1) Dança de origem angola-conguense que maior influência desempenhou na folk-dance afro-brasileira. Nas terras de origem, o termo batuque, é o nome de uma dança de caráter geral, onde os negros, em círculo, executam passos, "sapateados" em ritmo marcado com palmas e instrumentos de percussão (atabaques). O batuque consiste num círculo formado pelos dançadores, indo para o meio um preto ou preta,que, depois de executar vários passos, vai dar uma embigada, a que chamam semba, na pessoa que escolhe, a qual vai para o meio do círculo substituindo-o. (2) Competição que mobilizava um par de jogadores, de cada vez. Dado o sinal, estes uniam as pernas firmemente, tendo o cuidado de resguardar os órgãos sexuais. Havia golpes como a ´encruziada`, em que o atacante atirava as duas pernas contra as pernas do adversário, a ´coxa lisa`, em que o jogador golpeava coxa contra coxa, acrescentando ao golpe uma ´rapa`, e o ´baú`, quando as coxas do atacante davam um forte solavanco nas do adversário, bem de frente. Todo o esforço dos jogadores concentrava-se em ficar de pé, sem cair. Se, perdendo o equilíbrio, tombasse, o jogador teria irremediavelmente perdido. Era comum, por isso, ficarem os batuqueiros em ´banda solta`, equilibrados em uma única perna, a outra no ar, tentando voltar à posição primitiva. Luiz Cândido Machado, pai de Mestre Bimba, foi campeão de batuque, luta da qual Bimba utilizou elementos para elaborar a capoeira regional. Como jogo independente, o Batuque já não existe na Bahia. Batuque-Boi - Luta popular, de origem africana, muito praticada nos municípios de Cachoeira e Santo Amaro e capital da Bahia. Executam-na ao som do pandeiro, ganzá, berimbau e cantigas. A tradição indica o batuque como de procedência banto. アンゴラ・コンゴから生まれたダンス、アフロ・ブラジリアンの文化に最も影響を残した。一般的なダンスで拍手とアタバキのリズムにのってみんな円になって真ん中に一人ステップをやります。真ん中で踊りたい人は中にいる人に近づいて、へそとへそをつけて交代をする。という交換のやり方はセンバと言います。(2)二人の試合で相手を動かせない方が勝ち。足の動きを使って相手のバランスを崩す。ルイス・カンジド・マシャド、メストレ・ビンバの父はバトゥケの優勝者でした。その試合からメストレ・ビンバはたくさんの動きをカポエイラ・へジオナウに使用しました。
BENGUELAベンゲラ: (1) Nome de um país africano. (2) Toque de Capoeira usado para acalmar os ãnimos dos capoeiristas. (3) Tipo de jogo da capoeira. (4)O costume de limar os dentes, por motivos estéticos ou religiosos, é encontrado em lugares diversos. O vocábulo interessa à etnologia brasileira por estar ligado com uma fonte exportadora de escravos em Angola. Os negros banguelas ou ganguelas, liumbas, loenas cortam os dentes. (1)アフリカの一つの国。(2)カポエイラのベリンバウのリズム。(3)カポエイラで盛り上がっているとき、けんかになっているときに落ち着かせるための試合。
BERIMBAU DE BEIÇOベリンバウデベイソ: Conhecido como marimbau. É um pequeno instrumento tocado preso aos dentes. A caixa de ressonância é a própria boca. É uma peça raríssima, encontrada em museus. Também chamado de trompa de paris. 口で弾く小さい楽器です。マリンバウとも知られている。博物館で発見できる希薄なものです。トロンパデパリスとも呼ばれています。
BICUDAビクダ: Faca de ponta. ナイフのこと。
BOCA DE SIRIボカデセィリ: Um dos nomes dados à navalha.かみそりの方言。
CACUMBUカクンブ: Faca velha e sem cabo. 古くて柄のないナイフのこと。
CADÊNCIAカデンセィア: Do latim "cadentia". Regularidade de movimentos ou sons; compasso, ritmo. É a relação entre a ginga e o ritmo dos instrumentos na capoeira. "Você ginga conforme o ritmo". É preciso ter cadência e ginga para se jogar capoeira.ジンガのリズム。楽器とジンガの関係。楽器の演奏によってジンガのリズムが出る。
CAMBOATÁ:カンボアタ Um tipo de peixe pequeno que vive em água-doce. Ou, segundo Teodoro Sampaio, "o que anda pelo mato". 川に住む小魚。町の名前。ある木の名前。
CANDEEIRO:カンデエイロ Uma espécie de lanterna feita de lata que tem como combustível o querosene.灯油で火が付ける、缶でできたともし火、カンテラ。
CANDOMBLÉ:カンドンブレ Festa religiosa dos negros gêge-nagôs na Bahia, mantida pelos seus descendentes e mestiços, canzuá. Lugar onde esta festa se realiza. Sede religiosa do culto negro, com o barracão onde as "filhas-de-santo" cumprem sua longa iniciação sob a direção do "pai-de-santo" ou "mãe-de-santo".アフリカから来た黒人たちがブラジルで作った宗教。その礼拝をやる場所はカンドンブレとしられている。
CAPITÃO-DO-MATO:カピタオ・ド・マト Indivíduo que se dedicava à captura dos escravos fugidos; "Capitães-do-mato, assim se chamavam os caçadores de negros, aos quais a lei em regulamentos especiais concedia poderes discricionários contra aquelas criaturas que fugiam ao jugo da escravidão". (João Ribeiro, História do Brasil, p. 268.) 逃げた奴隷を捕らえるひとだった。
CHAPÉU-DE-TRÊS-BICOS:シャぺゥ・デ・トレス・ビク chapéu utilizado pelos capoeiristas antigos para esconder a navalha, a sardinha.昔のカポエイリスタが使っていた帽子。かみそりを隠せる帽子でした。
CHULA:シュラ Pequenas canções de improviso que seguem a ladainha; curto "improviso" de apresentação ou identificação entoado pelo cantador a título de abertura da sua composição. ラダイニアの後にくる短い歌。紹介を表したり、感謝の言葉であり、あいさつであったりします。
CINTURA DESPREZADAシントゥラ・デスプレザダJogo de balão, ou seja, todos os movimentos em que o capoeirista arremessa seu adversário para o chão.
CUTIA:クチア Nome comum a várias espécies de mamíferos roedores da família dos Dasiproctídeos, gênero Dasyprocta. Típicas da América tropical, vivem em tocas nas matas e capoeiras. 南国の哺乳動物。巣の中に住んでいます。
DENDÊ:デンデ (1) Planta da família das palmáceas (Elaesis guineensis, Linneu). Foi trazido para o Brasil pelos escravos africanos. (2) Fruto do dendezeiro. (3) Óleo extraído desse fruto, azeite de dendê. 奴隷たちがアフリカから持ってきたやしの実から引き出した油です。
DESGALHAR:デスガリアー (gíria antiga, transcrita em 1886 por Plácido de Abreu). Fugir da polícia. 俗語です。警察から逃げる意味です。
DOMINGUEIRA:ドミンゲイラRoupa utilizada somente para ir à Igreja aos domingos e às festas de largo. 日曜日のお出かけに使う洋服です。協会へ行く時とか、パーテイーへ行く時の 日曜日だけに使います。
ESPADA:エスパダ Senhora da Lapa.Cada uma das maltas, no Rio de Janeiro, ocupava uma freguesia (bairro) da cidade, província ou território que controlavam e disputavam entre si.Quando se enfrentavam,"bramavam" (gritavam) o nome da província a que pertenciam. リオ・デ・ジャネイロの各マウタスが管理していた場所の名前。ラパのマウタスです。
FACA-DE-PONTA:ファカ・ジ・ポンタ Instrumento perfuro-cortante, "arma branca" que portavam alguns capoeiristas nos embates de rua. Designa também um golpe, a cotoveladaナイフや刃物です。技の名前にも使っています。ひじ鉄砲のひじ技。
FOLGUEDO:フォウゲド Brincadeira, divertimento, festa.遊び、楽しみとか祝い。
GANZÁ:ガンザCaixa de folha-de-flandres munida de cabo e com seixinhos que, quando agitada serve de instrumento musical devido ao som que produz.楽器です。  
GÊGE:ジェジェ Toque utilizado, antigamente, por alguns capoeiristas como Waldemar da Paixão e Traíra. Era o toque litúrgico dos povos gêges, específico do Deus Oxumaré. Era tocado em atabaque na capoeira.アフリカ人一つの人種。ジェジェたちのオシュマレ神様への祝いの時のアタバキのリズム。昔、トライラとヴァウデマル・ダ・パイシャオが使っていたリズムです。
GUNGA:グンガ Berra-Boi; berimbau de som grave, geralmente tocado pelo capoeirista mais experiente, ou por aquele que está no comando da roda. O gunga rege a roda e dita o tipo de jogo a ser feito pelos capoeiristas.一番音の高いベリンバウ。グンガを持っている人がホダを指揮します。どの試合やるかグンガが決めます。
IAIÁ:ヤヤ Diminutivo de sinhá, corrutela de senhora. 女主人、奥さんの省略。SENHORA=SINHA=IAIA同じです。
IDALINA:イダリナ Nome próprio personativo. De Idalia, "nome de uma cidade da ilha de Chipre, onde havia um templo de Vênus, pelo que os nossos poetas dizem freqüentemente Vênus Idalia. Nos Lusíadas, IX, 25: Idalios amantes".人の名前。
IEMANJÁ:イエマンジャ Orixá feminino, rainha do mar.também chamada por janaína e outros nomes.女神、オリシャ。海の女王。いろんな 呼び方あります。ジャナイナとか。。。
IOIÔ:ヨヨ Diminutivo de sinhô, corrutela de senhor.あなた様の省略。SENHOR=SINHO=IOIO同じです。
IÚNA:ユナ (1) Corruptela de inhuma ou anhuma. [Do tupi ña 'um, 'ave preta', com aglutinação do artigo]. (2) Ave anseriforme, da família dos anhimídeos (Anhuma cornuta). Mestre Maneca Brandão ("O Canto da Iúna - A Saga de um Capoeira", Itabuna/BA, 1ª ed.) acrescenta: "símbolo da sagacidade e da matreirice, (...) a ave existe realmente e habita os brejos, charcos, lagoas, etc. O termo "Iúna" é uma corruptela de seu verdadeiro nome: Inhuma ou Anhuma. Ela tem o porte de um peru, com pernas longas e pés de dedos grandes, com dois esporões carpianos em cada asa, além de um longo espinho córneo no alto da cabeça. Sua plumagem é bruno enegrecida e negra. [Sin.: alicorne, anhima, cametau, cauintã, cavitantau, cauintau, inhaúma, inhuma, licorne, unicorne, unicórnio.] (2) Nome dado a um toque de berimbau, muito melodioso, usado no jogo da capoeira. Toque criado por Mestre Bimba, para jogo rasteiro, ligado e com balões, usado somente por mestres de Capoeira. 黒い鳥の名前。(2)ベリンバウの一つのリズム。そのリズムに試合があります。その試合はマスターと経験のあるひとしかやります。
JOGO DE DENTRO:ジョゴ・デ・デントロ Tipo de jogo onde o capoeirista joga próximo ao companheiro sem tocá-lo. Tem um bonito efeito para quem assisteこの試合のタイプは近くでやるけど相手にあてない。見ている人へはきれいな結果があります。
JOGO DE FORA:ジョゴ・デ・フォら Tipo de jogo onde o capoeirista joga um pouco distante do companheiro.相手から離れてやる試合。
LADAINHA:ラダイニヤ Série de curtas invocações em honra de Deus, da Virgem ou dos Santos. Cantiga de capoeira que conta uma estória, dá uma lição ou manda um recado. Geralmente fala dos antigos mestres de capoeira que se foram e dos amores de capoeirista. Durante o canto da ladainha não se joga, ficando os dois capoeiristas ao pé do berimbau, saindo para o jogo somente depois que ela se encerra. Segue a ladainha uma quadra e um corrido. O mestre, então, abaixa o berimbau dando início ao jogo.メッセージ のある歌。祝い、感謝の言葉、昔のマスターの一言、物語、経験とかの歌詞。ラダイニャの時は試合やりません。ラダイニャからクアドラでコヒドの後に試合の合図がでます。
LAMPIÃO:ランピアオ Famoso cangaceiro do Nordeste do Brasil. Virgolino Ferreira da Silva nasceu no dia 4 de junho de 1898, na paróquia de Floresta de Navo, em Pernambuco. Foi morto em 28 de julho de 1938., com um tiro de fuzil na cabeça, em uma gruta de uma fazenda, em Sergipe. Lapinha Bairro de Salvador na Bahia.ブラジルの北東で有名な浮浪者。ヴィルゴリノ・フェヘイラ・ダ・シルバが本名。
LENÇO DE SEDA:レンソ・デ・セダ Eram utilizados antigamente no pescoço dos capoeiristas. Segundo a crença, a navalha não cortava a seda.首に巻いていた布。絹織物。かみそりは絹織物を切らないって信じていました。
LICURI:リクリ Palmeira silvestre que possui pequenos cocos (Cocos coronata, Mart) やしの木。
MALTA:マウタ Grupos de capoeiristas que, no séc. XIX e início do séc. XX provocavam desordens e promoviam agressões em desfiles, festas, aglomerações, etc. "(...) e surgem as famosas maltas de capoeira, com integrantes hábeis e manhosos, extremamente traiçoeiros nos golpes e exímios no jogo da capoeira. Os rivais Guaiamuns e Nagoas, no Rio de Janeiro, foram os mais temíveis grupos desta época, constituindo-se em verdadeiro terror para a burguesia e classe média, além de eterna enxaqueca das milícias daquele tempo.19世紀のカポエイラのグループ 。暴力団と知られ、騒動を起こしたり、グループでけんかしたり、道路で大騒ぎしたり。有名になったグループが現われその中に最も有能、油断のならない、危険なカポエイリスタたちが集まった。ライバルだったリオ・デ・ジャネイロのグアヤムンズとナゴアスのグループが現われました。彼らはその時代の恐ろしくて周辺の恐怖や警察の大問題だった。
MANDINGA:マンジンガ Feitiço, despacho, mau-olhado, ebó. Os negros mandingas eram tidos como feiticeiros incorrigíveis. Os mandingas ou malinkes, dos vales do Senegal e do Níger, foram guerreiros conquistadores, tornados muçulmanos. "Este povo, a que os negros chamavam mandinga, os espanhóis mandimença e masmol, maniinga (do radical mani ou mali, o hipopótamo, visto que eram povos totêmicos, e a terminação nke, povo), tinha uma índole guereira e cruel. Não obstante a influência maometana, eram considerados grandes mágicos e feiticeiros, e daí o termo mandinga, no sentido de mágica, coisa-feita, despacho, que os negros divulgaram no Brasil" (Artur Ramos, Culturas Negras no Novo Mundo, citado em Câmara Cascudo, Dicionário do Folclore Brasileiro).魔法、魔術。マンジンガって言う人種がありました。その人種はとても 魔術が得意としられていた。後程マホメット教に移ります。闘争好きでひどい国民性を持ちます。
MANDUCA DA PRAIA:マンドゥカ・ダ・プラヤ Por volta de 1850, Manduca "iniciou sua carreira de rapaz destemido e valentão, agredindo touros bravos sobre os quais saltava, livrando-se" Dotado de enorme força física e "destro como uma sombra", Manduca cursou a escola de horários integral da malandragem e da valentia das ruas do Rio de Janeiro na época de perigosos capoeiras como, Mamede, Aleixo Açougueiro, Pedro Cobra, Bemetevi e Quebra Coco. Desde cedo se destacou no uso da navalha e do punhal; no manejo do Petrópolis - um comprido porrete de madeira-de-lei, companheiro inseparável dos valentões da época - na malícia da banda e da rasteira; e com soco, a cabeçada e o rabo de arraia tinha uma intimidade a toda prova. Tinha algo que o destacava e diferenciava de seus contemporâneos - facínoras, valentes e rufiões - fazendo que se tornasse uma lenda viva, e mais tarde um mito cantado e celebrado até os dias de hoje:uma inteligência fria, calculista e implacável; uma sede de poder, de status e de dinheiro; tudo isso aliado a uma visão de comerciante e de homens de negócios. Fez fama e dinheiro. Foi famoso temido e respeitado.1850年からリオ・デ・ジャネイロで浮浪者な歩みを始めた。体が大きくて有能と恐ろしさで有名になりました。賢くてお金もすぐてに入った性格。
MANGANGÁ:マンガンガ (1) O mesmo que gangambá. (2) Adjetivo: Muito grande, enorme とても大きいって意味。
MÉDIO(ROSEIRO):メジオ(ロゼイロ) É chamado de médio ou roseiro, o berimbau de som intermediário entre o grave e o agudo. É o berimbau que faz o repique do toque.ベリンバウメジオ。
MOCAMBO:モカンボ (1) Couto de escravos fugidos, na floresta. (2) Habitação miserável. (3) Cabana.森の中、逃げた奴隷たちが集まって暮らすところ。
MULHER BARBADA: ムリエ・バルバダBebida alcoólica de fórmula secreta inventada por mestre Bimba e oferecida aos alunos e público presente, durante as festas de formatura e batizado.アルコール飲み物。メストレビンバが作って、卒業者に飲ませるアルコール。
NAGÔ:ナゴ Nome dado porque se conhece assim o iorubano como todo negro da Costa dos Escravos, que falava ou entendia o iorubá. Tem o feminino nagoa. Abundantemente exportados para o Brasil, os nagôs tiveram prestigiosa influência social e religiosa entre o povo mestiço, conservando, com os processos de aculturação, seus mitos e tradições sacras. Localizados, em maior porção, na Bahia, é o grupo negro mais conhecido em seu complexo social vivo. A persistência nagô determina o candomblé, macumba, catimbó, xangôs, sinônimo do primeiro vocábulo, reunião do seu cerimonial. Os sacerdotes, babalaôs, babas, babalorixás, o auxiliar axogun, pai, mãe, filha-de-santo, o ebó (feitiço), instrumentos musicais (tambores, agogô, aguê, adjá, afofiê), os contos da tartaruga, awon, a culinária que se tornou clássica na Bahia, com o vatapá, acaçá, abobó, acarajé, abará, o santuário peji, os orixás. Obatalá (Orixalá ou Oxalá), Exu, Ogum, Oxumaré, Oxóssi, Omolu, Ibeiji, Ifá, Anambucuru, Iroco, Iansã, os todo-poderosos Xangô e Iemanjá , são elementos fixadores dessa prestigiosa presença na antropologia cultural.ヨルバ語をわかるひと、言語として使うひとはナゴと言われています。女性はナゴア。この言語の人種は一番多めに運ばれてきた黒人人種なので、後程ブラジルで生まれる文化、伝統、神話とかハーフの黒人が作る歴史に大きな影響があります。宗教、食べ物、楽器いろんな物に。
NEGAÇA:ネガサ Engodo,isca, mostra ilusória, engano, provocação, sedução. É a movimentação do corpo, mãos, pés, tronco e cabeça; em conjunto ou isolados, têm a intenção de enganar, emaranhar, confundir e desnortear o oponente, surpreendendo-o no jogo da capoeira.だます気 、挑戦、誘惑する。体の動かし方で相手をだますつもり。
N´GOLO:ンゴロ A dança da zebra é uma tradição entre o povo mucope, do sul de Angola. Acontece durante a Enfundula, festa de puberdade das moças da aldeia, que passam à condição de mulheres, aptas ao casamento. O rapaz vencedor do N`golo tem o direito de escolher esposa entre as novas iniciadas sem pagar o dote esposálico.南アンゴラの民族の伝統的なシマウマのダンスです。女の子たちが子供から大人になって結婚ができる時期です。ンゴロのダンスを勝った若者が結婚したい女性選べるし花嫁 の持参金も払わなくていいです。
OGUM:オグン Orixá do ferro, é guerreiro e símbolo do trabalho.鉄の神様。軍人のオリシャで仕事や戦争を表している。
ORIXÁ:オリシャ Divindades da religião iorubana, intermediárias entre os devotos e a suprema divindade, inacessível às súplicas humanas. Simbolizam forças naturais, e é lógico que suas atribuições sejam confundidas no entusiasmo dos fiéis. Os orixás residem na Costa da África e, atraídos pelos cânticos e ritmos dos tambores em sua honra, encarnam-se, apossam-se dos seus instrumentos vivos, médiuns, cavalos, intérpretes, falando, tomando o aspecto que tiveram na terra e ainda tem nas paragens onde vivem.ヨルバの宗教の神様がオリシャと呼ばれています。信心家と最高の神の間の物がオリシャ。自然の力を表している。
OXALÁ:オシャラ O grande orixá, sincretizado pelos negros com Jesus Cristo; orixá da totalidade, criador do homem.キリスト教のイエス様と同じ意味を持っています。人間を製造したオリシャ。
OXÓSSI:オショシ Orixá da caça e das matas, Associado à lua e à noite.森と狩猟のオリシャ。月と夜と関連しています。
OXUM:オシュン Orixá dos rios, dos regatos, das fontes, da água doce.川、池、それらの水のオリシャ。金のオリシャ。
PANDEIRO: パンでイロDo espanhol "pandero". Instrumento de percussão, ritmador, acompanhador do canto pela marcação do compasso. É composto de um aro circular de madeira guarnecido de soalhas, e sobre o qual se estica uma pele de animal, que se tange batendo-a com a mão. Foi trazido ao Brasil pelos portugueses, que o obtiveram através de romanos e árabes. Faz parte da orquestra de instrumentos da capoeira angola e regional.カポエイラの パカションの楽器。
PATUÁ:パトゥア (1) Pequeno saquinho contendo axé (coisas de poder mágico), que fica em contato com o corpo de quem o carrega. (2) Amuleto de proteção. (3) Patuá - Batista Caetano deriva de patigua, contraído em patuá de patauá, designando o cesto que as mulheres traziam às costas, amarrado à cabeça, com os pertences da rede. Simão de Vasconcelos, falando do estado de miséria em que viviam os índios, ao comentar o seu enxoval diz que "vem a ser uma rêde, um potiguá (que é como caixa de palhas) para guardar pouco mais que a rede, cabaço, e cuya: o pote, que chamam igacaba, para os seus vinhos: o cabaço para suas farinhas, mantimentos, seu ordinário: a cuia para beber por ela: e o cão para descobridor das feras quando vão caçar. Estes somente vem a ser seus bens moveis, e estes levam consigo aonde quer que vão: e todos a mulher leva às costas, que o marido só leva o arco". Por analogia, patuá hoje em dia passou a designar um pequeno saquinho contendo axé (coisas de alto poder mágico) e que, conforme o preceito, quem o carrega, tem que usá-lo em contato com o corpo.人が持つ 小さな袋、中に魔法の力のアシェが入っています。お守りとして持っている。
PUXADA DE REDE:プシャダ・ジ・へジ É um ritual africano. Hoje em dia é comum a representação da puxada de rede em espetáculos folclóricos, com o objetivo de mostrar e homenagear essa belíssima tradição. Uma peça teatral, encenada por capoeiristas, que simula uma pescaria, geralmente demonstrada em apresentações e cerimônias de batismo.アフリカの儀式です。カポエイリスタたちが演技する伝統なアトラクションになりました。
QUADRAS:クアドラス São versos que contam pequenos trechos da história da Capoeira em seus diversos aspectos. "As quadras podem ser cantadas em qualquer toque como a Benguela" カポエイラの歴史を詩に伝える歌。カポエイラのいろんなリズムで歌えます。
QUILOMBO:キロンボ Do quimbundo, "kilombo", capital, povoação, união. Palmares, Quilombo é o nome que se dá à aldeia onde se concentravam escravos fugidos da exploração e dos maus-tratos sofridos nas fazendas, minas e casas de família do Brasil colonial. Os maiores quilombos eram formados por pequenas aldeias, os mocambos. Seus habitantes (quilombolas) tendiam a organizar-se política e economicamente como as tribos ou nações africanas de origem, o que era dificultado, pois, conviviam num mesmo quilombo, negros de diversas origens, mestiços e até índios das redondezas.黒人 の集まり、民族、村ができてくるところがキロンボ。奴隷制度から森へ逃げた奴隷たちがキロンボを探した。
QUILOMBO DOS PALMARES: キロンボ・ドス・パウマレスO mais célebre dos quilombos teve seu último chefe, Zumbi, consagrado como personagem mítico da cultura negra brasileira. Localizava-se no atual estado de Alagoas, uma região de difícil acesso, mas com terras férteis, caças, frutas, rios e madeira. A população era bastante heterogênea. Estes eram organizados em mocambos onde se domesticavam animais e desenvolviam a arte da cerâmica. A organização política se assemelhava à de um reino africano. O governo era exercido por um rei e um conselho. O principal rei dos Palmares foi Zumbi que resistiu heroicamente a afronta dos brancos. Mas impossibilitado de resistir por mais tempo, montou uma retirada com diversos quilombolas. Mas a retirada não deu certo e Zumbi foi aprisionado e decapitado no dia 20/11/1695. O quilombo dos Palmares foi destruído em 1694 por tropas comandadas por Domingos Jorge Velho. Zumbi teve a cabeça cortada e colocada em praça pública para a satisfação dos senhores de engenho e para desgraça dos negros, que perdiam seu grande líder, considerado imortal. Mas até hoje Zumbi continua sendo para muitos negros o símbolo da luta contra o racismo e o preconceito social. 一番大きくて有名なキロンボだった。ズンビが住んだキロンボでアラゴアス州にあって入りにくい場所に建てられています。土地が多産的、狩り、果物、川や木材がたくさなりました。各もカンボ役割で分けていました。政治家は王様が管理していました。パウマレスのとても有名な王様がズンビでした。

RABO-DE-ARRAIA:ハボ・ジ・アハヤ Golpe giratório da capoeira da Angola. As mãos são apoiadas no solo, uma das pernas funciona como eixo e a outra é lançada rapidamente descrevendo, assim, uma curva. アポエイラアンゴラの回る技。
RECO-RECO:ヘコヘコ Nome dado a instrumento de percussão que produz um som de rapa, causado pelo atrito de duas partes separadas. No seu feitio talvez mais conhecido, o reco-reco consiste num gomo de bambu com talhos transversais, friccionados com uma vareta.Na Bahia, recebe o nome de ganzá.カポエイラの楽器。
SAMBA DURO:サンバドゥロ É o samba só para homens onde eles sambam e emitem golpes tentando derrubar os adversários.男だけのサンバ。そこでサンバ踊りながら足技を使って相手を倒したがる。
SANTA MARIA:サンタマリア Toque de berimbauベリンバウのリズム
SÃO BENTO:サオベント É o santo protetor dos capoeiras. カポエイラを守る神。
SINHÁ:シニャ Corruptela de senhora. 女主人、奥さんの省略。SENHORA=SINHA=IAIA同じです。
SINHÔ:シニョ Corruptela de senhor. あなた様の省略。SENHOR=SINHO=IOIO同じです
TUCÚM: トゥクンFaca de madeira utilizada no jogo de capoeira praticado no início do século.魔法のあるだと信じている木で作ったナイフ。
TUMBEIRO:トゥンベイロ Designa o navio negreiro, com alusão aos horrores pelos quais passavam os negros escravizados no bojo dessas embarcações; muitos morriam - de fome, sede, ferimentos e doenças - e eram lançados ao mar. 黒人を運んだ船。
URUGUNGO:ウルグンゴ Berimbau. Urucungo - [Do quimb. ri'kugu = cova; existe nele um buraco.]s. m. Um dos nomes pelos quais é conhecido o berimbau.ベリンバウに一つの名前。
VADIAR:ヴァジアル Forma descontraída de jogar capoeira.カポエイラの遊びをする。
VERGA:ヴェルガ Madeira de lei com a qual é confeccionado o berimbau, sendo a biriba a madeira mais comumente utilizada pelos capoeiristas.ベリンバウの木。
XARÉU: シャレウO xaréu é um grande peixe, de carne escura, que anualmente, no seu ciclo de vida, vem cumprir a sua função procriadora da desova. Aparece nas praias nordestinas, principalmente nas da Bahia, na época do calor, procurando um clima mais quente, entre outubro e abril.大きな魚。夏の時期バイアの海で産卵にやってくる。
ZUMBI,REI DE PALMARES: ズンビ、パウマレスの王様。Era sobrinho de Ganga Zumba, rei do quilombo, a quem sucedeu. Era o chefe guerreiro dos quilombolas. Quando o rei aceitou a paz, não se conformou com a idéia, no que foi apoiado pelos mais combativos guerreiros. Reagrupando os quilombolas, empreendeu uma campanha guerrilheira. Zumbi derrotou os paulistas de Domingos Jorge Velho. Contratados pelo governo, encontraram uma cerca fortificada abrigando os quilombolas. Para contê-los, Domingos Jorge Velho iniciou a construção de uma contra cerca, numa parte da contra cerca que margeava um precipício. Nesta ocasião, muitos negros se atiraram ao abismo, o que gerou a crença, infundada, de que Zumbi também se suicidara. Nesta ocasião morreram perto de 200 negros. A fortificação foi invadida pôr 3.000 brancos, que mataram em combate uns 200 quilombolas, capturando outros 600, após 22 dias de combate. Zumbi, gravemente ferido, conseguiu escapar, reunindo mais homens para a sua resistência. Traído por um dos seus auxiliares, teve seu esconderijo atacado pelas forças do capitão André Furtado de Mendonça, morrendo em combate a 20 de novembro de 1.695. Trezentos anos depois da morte do último rei de Palmares, o movimento negro brasileiro ainda lutava pelo reconhecimento de seu herói e comemorava, à margem do 13 de maio oficial, o dia da morte de Zumbi como a data nacional da negritude. Zumbi nasceu no quilombo de Palmares e teria sido capturado, menino, pela expedição de Brás da Rocha Cardoso, em 1655. Sua história é entremeada de lendas, mas tem-se por certo que foi entregue ao padre Antônio Melo, que o batizou com o nome de Francisco, alfabetizou-o e lhe ensinou latim. Inconformado com a condição de escravo, Zumbi fugiu e retornou a Palmares. Em 1678, depois de expedições infrutíferas para acabar com o quilombo, o governador de Pernambuco, Pedro de Almeida, ofereceu a liberdade a todos os nascidos em Palmares se abandonassem o quilombo e se radicassem em Cucaú, a 32km de Serinhaém. Ganga Zumba aceitou a proposta, mas Zumbi, que via no acordo uma traição aos escravos fugitivos, permaneceu em Palmares e assumiu a liderança dos remanescentes. Como rei de Palmares, Zumbi aplicou a tática de guerrilhas para assaltar fazendas e engenhos e resistiu com um sistema de paliçadas e fossos às investidas dos portugueses. Sobreviveu à destruição do quilombo, em 1694, e manteve a guerrilha com um pequeno grupo. Traído por um companheiro, foi emboscado e morto em 20 de novembro de 1695. ガンガズンバのおいだった、その次のおうさまになった。とても強いリーダーだった。いろんな作戦を考えてキロンボに侵害をトライした、ドミンゴス・ジョルジェ・ヴェリオって言う白人の軍隊でした。たくさんの戦いに失敗してもあきらめなかった。そして深淵の前で構う作戦をして、200人の黒人も深淵に落ちてしまいました。侵入して成功した、ズンビは逃げました。けれど仲間に裏切ったわけで隠れていた場所を知られ殺されました。1695年11月20日に死にました。現在その日は黒人の意識と祝っている日。

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Olá,seguindo meus caminhos....vou gingando pela vida!

Mesmo na indecisão continue gingando,não pare,respire fundo.
Hoje escutei algo,na minha opinião,fenomenal!!
Que diz assim:
¨Se seus esforços forem vistos com indiferença,não desanime,o sol ao nascer da um espetáculo todo especial e a maioria da platéia está sempre dormindo.¨


Portanto,continue a caminhar........

domingo, 1 de agosto de 2010

E o que não pode faltar é PRAIA!!E muita macaquice é claro!!!hauhauau









Treinaço básico com a visita do Ouriço de Kosai aluno do Mico.Muito perigo na roda,hehe...Assim que é bom!!bjs
Batizado do grupo Memória em Okazaki!!Foto com as meninas do grupo tempo.


Niver do Foguete no KodamaDojo.dia 22 de Julho.Fomos para Universal Studios de presente a ele!Um bolo bolinho logo depois do treinos,por isso por todos suados!afff...Bjss